quinta-feira, 29 de setembro de 2011

ELA DORME (de Marcos Salvatore)

by Michael Dweck


o que está feito
está feito

e agora
ela dorme


agarrada à clave de sol
tatuada no meu peito

meu leite ainda

escorre em sua boca


abre inteiro caminho
de memória
até o bico do seio direito



também nosso suor
nossa saliva viva

colorida, espalhada pelo chão
depois de tanta força

desse jeito

dedos pensativos
(...)
enrolados nos meus pelos
(...)
exaustos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...